Jovem foi morta a facadas por um garoto que conheceu jogando online

Homem posta vídeo rindo ao lado do cadáver apos matar garota que conheceu na internet. No vídeo ele rir e diz: “Eu realmente matei ela, entende?” Em depoimento, o criminoso disse que seu objetivo é ‘executar pessoas cristãs’.

Ingrid Oliveira Bueno da Silva, de 19 anos, foi morta a facadas por um garoto que conheceu jogando online. Guilherme Alves Costa, 18 anos, convidou a estudante para ir à casa dele “jogar”, mas lá ela descobriu que ele planejava um ataque e se negou a ajuda-lo. Então o jovem atacou Ingrid e gravou tudo para publicar em uma rede social.

No vídeo Guilherme ri da situação e confirma ter cometido o crime. “Vocês estão achando que é tinta, montagem ou algo do tipo, mas não é. Eu realmente matei ela, entendeu? […] Olha só, que maravilha”, disse, aos risos, ao se referir ao corpo aparentemente sem vida.

O irmão de Guilherme, chegou ao local do crime e a viu desmaiada e ensanguentada.

A vítima que era conhecida como Sol e integrava a equipe FBI E-Sports de Call of Duty, um jogo eletrônico de guerra.

Guilherme que fazia parte do time adversário de Ingrid, o Gamers Elite, disse que a conheceu na internet há pouco mais de um mês.

O assassino disse à polícia ter planejado o homicídio e afirmou ter escrito um livro em que explicava suas motivações. Ele afirmou em uma postagem que seu objetivo era divulgar um material por escrito contendo planos de executar pessoas cristãs. A polícia coletou uma cópia do suposto material para análise.

Guilherme foi preso em flagrante nesta segunda-feira (22), e ao ser questionado, ele disse que cometeu o homicídio “porque quis”.

Fonte: Extra.

Cabe ressaltar que hoje em dia está difícil confiar em qualquer pessoa, mas vamos para um debate importante.

Você confiaria em alguém que conheceu na internet? Tem alguma experiência a nos contar!?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *